Specialty Records foi um selo musical americano fundado em Los Angeles no ano de 1945 por Art Rupe. Foi muito conhecido pelo blues, r&b, gospel e early rockand roll. Gravou gente como Roy Milton, Little Richard, Guitar Slim, Percy Mayfield e LLoyd Price. Rupe começou a companhia com o nome Juke Box Records mas trocou seu nome para Specialty quando a empresa foi repartida com os donos originiais.

A filha de Rupe Rupe's relançou o selo em 1980 que foi adquirido pela Fantasy Records em 1991 e é hoje parte do Concord Music Group. 

  • Compacto Duplo de 1953 com Roy Milton and His Solid Senders. Baquelite 10" com Believe My Babe e Blue Turning Grey. Um à venda no Discogs por U$ 113.

  • Compacto Duplode 1950 com Percy Mayfield. Baquelite de 10" com Nightles Lover e What aFool I Was. Um à venda no Discogs por U$ 26.

  • Things Like I Use To Do - Reedição de original da Specialty por Bacci Brithers Records. Disponível na Apple Music para baixar.

Charly Records é uma gravadora britânica espececializada em na reedição de grandes clássicos e em especial blues. 

Entre os selos reeditados por ela estão matrizes  da Charly, Vee-Jay, Sun, Immediate, BYG, Tomato e Fania.

Charly Records foi fundada na França em 1974 por Lean-Luc Young que foi promotor de concertos para jovens. Mudou-se a gravadora para Londres no ano seguinte. Originalmente conhecida principalmente por originais americanos de jazz e outras produções estranas como The Bollock Brothers. Tinha como rivais na época Rhino Records e See for Miles  

Na Europara era distribuida por Snapper Records sob licença de Licensemusic.com 

A produtora americana dedicou-se especialmente ao blues, funk, gospel e jazz.

  • JOHNNY WINTER

    THE TEXAS TORNADO - U$ 32,5 na Discogs. Road Runner, Leave Me Woman Alone, Parchman Farm e Going Down Slow entre outras.

  • CLARENCE "GATEMOUTH" BROWN

    SAN ANTONIO BALLBOOSTER - U$ 8 na Discogd. Cross My Heart, Ninety Nine, Going Down Slow (como no Johnny Winter) e Trip In entre outras.

  • JOHN LEE HOOKER

    SHAKE IT BABY - U$ 21 no Discogs. Shake it Baby, I'm Losin' You, Bad Luck And Trouble e Seven Days And Seven Nights entre outras.

Chess Records foi uma gravadora americana sediada em ChicagoIllinois. Era especializada em bluesrhythm and bluesgospel, início do rock and roll, e às vezes jazz, fundada por imigrantes poloneses, os irmãos Leonard e Phill Chess em 1950

A história da gravadora foi contada em Cadillac Records, filme biográfico musical de 2008, escrito e dirigido por Darnell Martin.

O elenco da gravadora contou com nomes de considerável importância, especialmente no blues dentre outros poderíamos citar: Muddy Waters, Little Walter, Howlin' Wolf, Sonny Boy Williamson II, Lowell Fulson, Memphis Slim, Jimmy Rogers, John Lee Hooker, Bud Guy, Etta James, Chucky Berry Willie Dixon, Big Bill Broonzy, Koko Taylor, Sonny Stit Ramsey Lewis e Bo Didley. 

 

  • CHUCK BERRY

    Rockin' At Hops de 1960 com Bye Bye Johnny, Down The Road A Piece e Drifitin' Blues. No I-Tunes você achao LP inteiro por U$ 11,99

  • ETTA JAMES

    Álbum de estréia de ETTA lancado em 1961com Trust In Me, At Last, Stormy Weather. No Discogs você encontra o disco por U$ 5 mais taxas.

  • MUDDY WATERS

    Lançado em 1964 esse LP de Muddy apresenta My Home Is In Delta, My Captain, Caoutry Boy. No Discogs você encontra o disco por U$ 10 mais taxas.

Landmark Records foi uma gravadora de jazz americana fundada em 1985 por Orrin Kneepnews, produtor de lendas como Thelonious Sphere Monk e ganhador de 4 Grammys,. Landmark incluia em seu acervo originais de músicos como Donald Byrd, Jack de Johnette, Jimmy Heath, Vincent Herring, Bobby Hutcherson, Mulgrew Miller, Buddy Montgomery e muitas  reedições de "Cannonball" Adderley que é nossa PRÓXIMA ATRAÇÃO.

O catálogo da gravadora incluia também dois álbuns de jazz do memorável Kronos Quartet (David Herrington, John Sherba, Hank Dutty e Suny Wang) retratando o trabalho de Bill Evans e Thelonious Monk. LandMark foi comprada pela Muse Records em 1993 que por sua vez passou para o domínio da 32 Jazz em 1996. Em 2003 a Savoy Jazz, subsidiária da Nippon Columbia  ficou com os direitos dos catálogo da Muse, Landmark e Landmark e 32 Jazz. Detalhes e sugestões de registros da Landmark na página Labels - Tomo V

  • Julian Cannonball Adderley

    Reeditado pela Landmark em 1986 lançado Riverside em 1960. RLP 12-311 encontrável no Discogs por U$ 30,00

  • Buddy Montgomery

    Reeditado pela Landmark em 1987 lançado pella Riverside
    em 1965 LDC 1512-2 encontrável no Discogs por US 10,00

  • Mulgrew Miller

    Reeditado pela Landmark em 1985 e lançado pela Riverside em 1965, custa na Discogs U$ 22,00

Discovery Records

Discovery Records foi uma companhia gravadora americana e um selo muito conhecido por suas gravações de jazz.

Foi fundada em 1948 pelo promotor e aficcionado de jazz Albert Marx e teve em seus quadros gente do quilate de Dizzy Gillespie, Red Norvo, Art Pepper, Charles Mingus, Bud Powell e Dexter Gordon entre outros. Seu quartel general era em Hollywood, California. 

Marx comprou catálogos das gravadoras Musicraft e Trend Records e os reeditou na Discovery durante os anos 80.

Em 1991 vendeu os tres selos, Trend, Musicraft e Discovery para Jac Holzman que os incorporou ao selo Contemporary comprado em 1993 pela Warner Music Group que foi, por último absorvido pela Sire Records em 1996 que mantém até hoje as matrizes originais de Albert Marx. 

  • BUD POWEL

    Gravado em abril de 1953, no Kavakos Club em Washington DC, o trio de Bud Powell contava com Charles Mingus (contrabaixo) e Roy Haynes (bateria). Salt Peanuts, Halleluhja e Sure Thing e é facilmente encontravel nos sebos de qualidade. Custa U$15,00 em média

  • DEXTER GORDON

    Gravado em 1982 no Sigma Sound Studios e contou com a participação de David Eubanks (contrabaixo), Eddie Gladden (bateria), Shirley Scott (orgão), Kirk Lightsay (piano) e Grover Washington Jr (soprano). Sky Lark e Jumpin' Blues. Encontrável e a não mais de U$ 20,00.

  • DUKE ELLINGTON

    Gravado em 1956 o LP orignal é relativamente raro, apesar de reedições de U$ 35,00 a 40,00. Interessante por conter peças pouco exploradas em outros registros de Duke Ellington como Magenta Haze e Sultry Sunset. Além da clássica abertura da Orchestra nas faixas 12 e 13.